Bombas, Motobombas, Skid e Peças

Exemplo na imagem de uma motobomba centrifuga.

Bombas, Motobombas e Peças

O que são bombas?

Primeiramente, Bombas são equipamentos responsáveis por transferência de energia para fluidos, principalmente Energia de Pressão, Velocidade e Potencial. Sendo assim, toda maquina que tem a função de movimentar e transferir fluidos.

Fornecemos e desenvolvemos aplicações de bombeamento para todo tipo de projeto.

Agende uma visita com nosso especialista!

Especificações:

É muito grande a diversidade de tipos de bombas existentes, sendo difícil agrupa-las de forma abrangente.

Sendo assim, iremos considerar a classificação apresentada pelo “Hydraulic Institute”, que divide em dois grandes grupos:

  • Turbobombas
  • Bombas Volumétricas

Turbobombas

Frequentemente Também chamadas de bombas hidrodinâmicas ou centrifugas, produzem pressão ou energia potencial através da variação de energia cinética ou através da força centrifuga do fluido. Dessa forma, como exemplo temos: Bombas Hidraulicas, Bombas de Poço, Bombas Submersas, Bomba Palito, Bombas Subversivas e outras.

Bombas Volumétricas

Podem ser alternativas ou rotativas, produzem pressão através da variação de volume interno em uma ou mais de suas câmaras. Sendo assim, como exemplo temos: Bombas de Engrenagem, Bombas de Paleta, Bombas de Fuso, Bombas de Lóbulo e outras.

Podem haver algumas outras subdivisões para ambos os tipos de bombas:

Primeiramente Para as bombas de deslocamento positivo(volumétricas): 

  • Bomba alternativa:  Simplex, duplex, tríplex, quintuplex, septuplex , nonuplex, Bombas de Diafragma;
  • Bomba rotativa: Bombas de Lóbulos, Bombas de engrenagens, bombas de parafusos, bombas de paletas;

Da mesma forma Para as bombas cinéticas:

    • Podem ser classificadas quanto à trajetória do fluido no rotor:

      bombas centrífugas(ou radiais), bombas de fluxo misto, bombas axiais;

  • Da mesma forma Podendo ser classificadas por sua posição entre o recalque e sucção: Horizontais, Verticais;
  • Igualmente Por quantidade de estágios ou rotores: Monoestágio, Multiestágio;

Dessa forma percebemos a quantidade de classificações e subdivisões para este grande universo de maquinas de fluxo, Abaixo alguns temas que já abordamos que também podem ajudar nesta tarefa:

Alguma sugestão, necessidade ou duvida?

Fale com um de nossos especialistas!